Bem vindo a Invert

A INVERT atua com grande profissionalismo no ramo de acesso por cordas, tendo como diferencial a conciliação entre qualidade, agilidade e segurança, fatores imprescindíveis para a realização de trabalhos em altura.
Fazemos orçamento sem compromisso e atuamos em todo território nacional ou onde se fizer necessário.
Para quaisquer necessidades, entre em contato que teremos enorme prazer em lhe atender.
Obrigado por nos visitar.

Pouso Alegre – Bombeiros resgatam operários pendurados em teto de igreja

A boa preparação de seu efetivo garantiu à 3º Companhia de Pouso Alegre um resgate inusitado. Dois operários que pintavam o teto de uma igreja ficaram pendurados a uma altura de 15 metros após o andaime em que eles estavam desabar.

O acidente aconteceu na tarde do dia 5. Quando a equipe chegou ao local do acidente constatou que um andaime de 25 metros havia desabado com os dois trabalhadores que sofreram uma queda de aproximadamente 10 metros, ficando presos por uma corda.

Após o isolamento do local e um rápido planejamento optou-se pela montagem de um novo andaime para que os militares pudessem ter acesso às vítimas e resgatá-las com segurança.

Com um trabalho em equipe, que envolveu militares e profissioanis que trabalhavam no local, foi possível resgatar as vítimas com segurança. Apenas um dos operários foi encaminhado ao hospital, com dores no braço. A outra vítima nada sofreu, além do susto.

Bombeiros Pouso Alegre Bombeiros Pouso Alegre Bombeiros Pouso Alegre

 

Contratante e Contratada responderão por acidente fatal com traballhador

Empresa gaúcha foi condenada solidariamente ao pagamento de indenização por danos morais e materiais aos dependentes de um trabalhador que se acidentou gravemente ao cair de um andaime e faleceu no pronto-socorro.

Leia Mais

NOVO - NR-35 Trabalho em altura

NR-35 TRABALHO EM ALTURA
Publicação D.O.U.
Portaria SIT n.º 313, de 23 de março de 2012 27/03/12
35.1. Objetivo e Campo de Aplicação
35.1.1 Esta Norma estabelece os requisitos mínimos e as medidas de proteção para o trabalho em altura,
envolvendo o planejamento, a organização e a execução, de forma a garantir a segurança e a saúde dos
trabalhadores envolvidos direta ou indiretamente com esta atividade.
35.1.2 Considera-se trabalho em altura toda atividade executada acima de 2,00 m (dois metros) do nível
inferior, onde haja risco de queda.
35.1.3 Esta norma se complementa com as normas técnicas oficiais estabelecidas pelos Órgãos
competentes e, na ausência ou omissão dessas, com as normas internacionais aplicáveis.

Leia Mais

Acesso por Corda

O Acesso por Corda é uma modalidade de trabalho em altura, que combina as mais avançadas técnicas de acesso a locais elevados e em ambientes confinados, utilizando cordas e equipamentos específicos de descida e ascensão, em serviços onde envolva risco de queda e/ou acesso difícil. Possibilita a diminuição no tempo dos trabalhos gerando um aumento de produtividade e diminuição nos custos, tudo de acordo com os padrões de segurança estabelecidos pelas Normas Regulamentadoras (NR) do Ministério do Trabalho e Emprego, e Normas Brasileiras (NBR) aprovadas pela ABNT.

Apesar da utilização de cordas e equipamentos especiais como meio de acesso, esta técnica nada tem em comum com qualquer atividade esportiva que se assemelhe. Não há busca de adrenalina, nem aventura. O profissional de acesso visa apenas à execução do seu serviço com segurança e qualidade.

Não é correto chamar de “Rapel” a Técnica de Acesso por Corda, pois o Rapel é apenas uma das técnicas utilizada para realizar os deslocamentos.

Texto retirado de documento elaborado por Raimundo Sampaio.

END

Os Ensaios Não Destrutivos (END) são técnicas utilizadas na inspeção de materiais e equipamentos sem danificá-los, sendo executados nas etapas de fabricação, construção, montagem e manutenção.
São largamente utilizados nos setores petróleo/petroquímico, químico, aeronáutico, aeroespacial, siderúrgico, naval, eletromecânico, papel e celulose, entre outros. Contribuem para a qualidade dos bens e serviços, redução de custo, preservação da vida e do meio ambiente, sendo fator de competitividade para as empresas que os utilizam.
Os END, para apresentar resultados eficazes e confiáveis, devem necessariamente levar em consideração os seguintes componentes:

  • pessoal treinado, qualificado e certificado
  • equipamentos calibrados
  • procedimentos de execução de ensaios qualificados com base em normas e critérios de aceitação previamente definidos e estabelecidos

Texto retirado do site da ABENDI.

Normas

NBR-15475 - Acesso por corda – Qualificação e Certificação de pessoas
NBR-15595 – Acesso por corda - Procedimento para aplicação do método
NR-35 - Trabalho em altura
NR-15 - Atividades e Operações Insalubres
NR-6 - Equipamento de Proteção Individual – EPI
NR-9 - Programa de Prevenção de Riscos Ambientais
NR-7 - Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional
NR-4 - Serviços Especializados em Engenharia e Segurança e em
Medicina do Trabalho
NR-18 - Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da
Construção

 
Topo
 
Inicio